O que é a Renovação Carismática Católica


Introdução

Muito já se falou, e se escreveu sobre R.C.C., porém podemos resumir este movimento pela sua identidade.
Mas o que é a Identidade?  É o documento que identifica uma pessoa. Os cromossomos identificam uma espécie, etc…
Qual é a identidade da R.C.C.?
  • O Batismo no Espírito Santo ou Efusão do Espírito Santo,
  • A manifestação dos Carismas.
Sem estas duas manifestações não existe R.C.C., nem grupos de oração.
Desenvolvimento:
Para falarmos da R.C.C., precisamos falar da Igreja. Sua fundação, seu nascimento.
  • Quando mesmo nasceu a Igreja? Do lado aberto de Cristo. Assim como do lado aberto de Adão nasceu Eva, do Lado aberto de Cristo nasce a Igreja. Assim como Eva era a mãe de todos os viventes no corpo. A Igreja é mãe do homem Integral por isso falamos (Mater Egrégia = Mãe Igreja), Esposa de Cristo.
  • Quando a Igreja foi fundada? Pentecostes.
  • O que aconteceu em Pentecostes? At 2,1-4
-         Efusão do Espírito Santo e Carismas.

Podemos então concluir que a R.C.C., não trouxe nada de novo apenas nos convida a voltarmos a profunda experiência de Pentecostes e a descobrir a terceira pessoa da TRINDADE, Deus Espírito Santo, que é a alma da Igreja, o Santificador dos corações.
LG 4,   LG 12.

Inicio da R.C.C.
Podemos dizer que João XXIII foi o precursor da Renovação Carismática Católica 1964. Sua oração:

“Repita-se no povo Cristão espetáculo dos Apóstolos reunidos em Jerusalém, depois da ascensão de Jesus ao céu, quando a Igreja nascente se encontrou reunida em comunhão de pensamento e de oração com Pedro e em torno de Pedro, pastor dos cordeiros e das ovelhas.

Digne-se o Divino Espírito escutar da forma mais consoladora a oração que sobe a Ele de todas as partes da terra. Que Ele renove em nosso tempo os prodígios como de um novo Pentecostes, e conceda que a Santa Igreja, permanecendo unânime na oração, com Maria, a Mãe de Jesus, e sob a direção de Pedro, dilate o reino do Divino salvador, reino de Verdade e Justiça, Reino de amor e de paz.”

O Espírito Santo já havia iniciado uma grande renovação na Igreja, com a renovação litúrgica no fim do século. ( auxiliado pelo Conc. Vaticano II )

Manifestações e primeiros fatos da R.C.C.

Alguns jovens universitários cristãos fervorosos leram o livro a Cruz e o Punhal( escritor protestante), e questionavam-se porque na Igreja Católica não acontecia os sinais dos Atos dos Apóstolos. Então eles se reuniram para estudar o livro dos atos.
Em Pittsburgh( Pensilvânia), em fevereiro de 1967, passaram a maior parte do fim de semana pedindo a Deus que experimentassem a graça recebida no Batismo e na Crisma.
Naquele fim de semana eles tiveram uma poderosa e transformadora experiência de Deus, que é conhecida como Batismo no Espírito.


A experiência que eles tiveram começou a se espalhar dentro do campus da universidade, e depois para as paróquias .
(cada vez que se reuniam os sinais aconteciam).


Assim foram formados os Grupos de Oraçãoà renovação Profunda, compromisso de amor para com Deus e com os irmãos.
A R.C.C. foi crescendo e chamando a atenção da Igreja. Ex. são Francisco
No Brasil – Chegou 1971 em S. Paulo à Padres Jesuítas e se espalhou pelo Brasil com Padre Haroldo, depois Padre Eduardo Dought, Padre Jonas Habib…
Os lideres tiveram encontro com o Papa Paulo VI e vários encontros com João Paulo II, várias cartas pastorais de encorajamento e apoio ao movimento – Doc 53
A renovação está presente em 238 países (+ ou – 100 milhões de Católicos)
Brasil à aproximadamente 8 milhões.
Objetivo R.C.C.
à Evangelizar com renovado ardor missionário, anunciando o Kerigma, e levando os irmãos a terem uma profunda experiência com Deus (Batismo no Espírito), e a reconhecerem, experimentarem e usarem em suas vidas os Carismas do Espírito Santo,
Organização da R.C.C.
A Renovação foi crescendo cada vez mais e precisou se organizar.
à Existe ICCRO – International Catolic Charismatic Office( Escritório Internacional da Carismática Católica)  à organiza as atividades, conferencias, projetos de evangelização
à ECCLA – Encontros Carismáticos Católico Latino-americano (Diretrizes Pastorais)
à Conselho Nacional – avaliar e discerni a caminhada da R.C.C.
à Comissão Nacional – põe em prática os projetos de evangelização d R.C.C.
à Conselho Estadual – No Estado como esta caminhando
à A Renovação em cada Diocese é acompanhada pelo Bispo – sabe tudo o que se passa com +_ 200 grupos na Diocese.
à Existe o Conselho Diocesano da R.C.C., que teve seu inicio em 1986, e formado por coordenador diocesano, coordenadores regional, coordenadores de ministérios, conselho fiscal e consultivo e etc… – É o contato com o Bispo
à Existe Coordenador Regional – Edneu e Márcia
à Cada Grupo tem seu Coordenador(a) e sua Equipe de serviço (Servos)
à Diretor Espiritual – Padre Vanderlei Nunes
A Renovação Carismática, é um sopro do Espírito Santo que impele os cristãos a terem uma experiência pessoal e viva da presença  de Deus em sua s vida.
É um modo novo de ser Igreja, não podemos nos omitir o chamado que Deus nos fez, com tudo aquilo que Ele nos deu, Carismas, modo de orar diferente de alguns movimentos.
A Igreja hoje nos aceita, porque os frutos estão as claras.
A Renovação evangeliza a partir:

  • Experiência de Oração – pessoal
  • Batismo no Espírito Santo – reavivar
  • Seminário de vida no Espírito – vários encontros
  • Retiros de fins de Semana – Se aprofundar na fé
  • Aprofundamentos ( precisamos estar inseridos dentro da realidade ao nosso redor, engajados dentro da Paróquia, mas tomando cuidado para não se envolve com tudo, e esquecer o Grupo.)
Grupo de Oração – O que é?
O Grupo de oração é um momento privilegiado para acontecer o Batismo no Espírito Santo e suas conseqüências  – Experiência de Deus.
O Grupo de Oração é informal – Marcada pela espontaneidade e participação e pela abertura que damos ao Espírito Santo. ( Não existe esquema)
A R.C.C. tem esquema – mas não se fica padronizado e sim ajuda em sua condução.
O Grupo de  Oração se reúne uma vez por semana para oração, especialmente o Louvor, este momento é aberto para as pessoas que querem participar e então passam a ser membro do grupo.
Quem participa do Grupo:
1)      Curiosos
2)      Ociosos
3)      Desesperados
4)      Depressivos
5)      Revoltados
6)      Pessoas que trabalham em alguma pastoral
7)      E outros


São reuniões alegres, no qual fazemos gestos, orações espontâneas( voz alta), ensino ministrados por leigos, etc. Muitas pessoas que estavam afastadas da Igreja começam a participar. Pessoas com problemas, doenças ( físicas e espirituais). – pessoas com problemas psicológicos. Alguns vão de livre vontade (ouviram falar)
Ou simplesmente foram convidados ( alguém chamou)
Outros os jovens vão por causa da animação
Outros estão buscando algo para si (cura, libertação, conversão da família, etc)
O Grupo de Oração é momento pentecostal à deve favorecer o derramamento do Espírito Santo, proporcionando uma experiência de Deus, essa experiência acontece no interior da pessoa e constitui –se em sua coversão – mudança de vida
Louvor é a oração principal- nossa finalidade é o louvor, adorar, glorificar a Deus – centralizamos na pessoa de Jesus Cristo.
Muitas vezes confundimos o Grupo, achamos que tem que ser uma aula de catequese, ou um grupo de discussão ou sessão de terapia.( sessão para repor energia, ) as coisas acontece porque louvamos e o Senhor nos revigora e anima, sem que seja um favor, mas porque Ele nos ama.

Frutos que a R.C.C. traz para a Igreja


1-Busca da oração pessoal e comunitária
2-Amor a palavra de Deus
3-Disponibilidade a vontade de Deus ( Engajamento)
4-Testemunho de Jesus Cristo
5-Redescoberta do Papel de Maria
6-Surgimento de vocações
7-Freqüência aos sacramentos
8-Desejo de conhecer mais a Cristo e faze-lo conhecido
9-Dons e carismas

Dons e Carismas


Todo servo é convidado a busca o Senhor de uma maneira mais intensa, e os dons faz parte de nosso espiritualidade, se participo da R.C.C. e não uso os carismas, estou no lugar errado, não sou da Renovação Carismática Católica, é esses dons que me distigui dos outros movimentos é o nossos DNA.
Edneu Martins
Coord. RCC
Compartilhe com Google Plus

RCC Diocese de Parnaíba

Matéria escrita por Ministério de Comunicação Social

0 comentários:

Postar um comentário